Microinfluenciadores

Microinfluenciadores

Parceiros para divulgar pequenas e médias empresas

É muito comum pequenas e médias empresas terem um produto diferenciado, mas não saberem como destacá-lo no ambiente digital. A busca para atingir maior visibilidade pode contar com uma estratégia diferenciada: a parceria com microinfluenciadores.

Hoje eles já são milhares, e  apesar de não terem uma audiência tão grande quanto as celebridades nacionais, possuem alguns diferenciais: costumam ter um público altamente qualificado, segmentado e engajado, além de participarem ativamente da sua própria comunidade. Assim em muitos casos, microinfluenciadores acabam sendo uma excelente escolha na hora de dar mais visibilidade a sua marca.

Se optar por essa estratégia, lembre-se que é preciso analisar muito além do número de likes e seguidores do canal de mídia escolhido para trabalhar. Pesquise sobre seu real poder de opinião ou autoridade com o público e o enquadramento ideal desse público ao seu negócio. Estudo divulgado pela Qualibest em junho de 2018 aponta que os microinfluenciadores são os maiores direcionadores no momento que o consumidor opta por um serviço ou produto, só perdendo para parentes e amigos. Dos participantes do estudo, 49% disseram ser influenciados por esses criadores de conteúdo.

A pesquisa revela que com 39% das preferências estão os sites de reviews e blogs, 34% sites oficiais de marcas seguidos por 26% de publicidade na internet, 22% vendedor, 17% propaganda em TV e rádio e 4% em anúncios impressos. O levantamento foi realizado entre os dias 7 e 21 de março com 700 pessoas por meio de questionário online. Os entrevistados são de todas as classes e com idades entre 20 e 29 anos. Do montante, 76% afirmam seguir ao menos um influenciador digital. Deste grupo, as redes sociais mais utilizadas são Facebook, 92%, YouTube, 90%, Instagram, 73%, Twitter, 31% e SnapChat, 23%.

Para obter o máximo de resultado para o seu negócio com  microinfluenciadores, o ideal é buscar orientação de um profissional especialista em mídias sociais para o desenho da melhor estratégia. Explore essa possibilidade e avalie os resultados.

Geiza Mesquita

Jornalista e consultora de redes sociais  

Empresas escolhem Youtube e Instagram para investir em Marketing Digital

Empresas escolhem Youtube e Instagram para investir em Marketing Digital

Pesquisa da HubSpot revela que Youtube e Instagram são preferência na hora de escolher onde investir em Marketing Digital

Um levantamento feito pela HubSpot com público da América Latina em 2018 apurou que o Youtube e o Instagram são as principais redes escolhidas na hora de pensar em investimentos de marketing digital. Entre os participantes, 55% citaram o YouTube como principal plataforma a receber investimentos, seguida pelo Instagram, com 53%.

Esse pode ser um bom dado para lembrar algumas empresas que estão com dificuldade de inserir nas suas estratégias de comunicação os influenciadores e microinfluenciadores digitais. Essas plataformas são muito bem exploradas por eles e pelo que mostra o mercado, já é também uma preferência de muitas empresas.

Claro que nem sempre o que é bom para uma empresa ou até mesmo para o seu concorrente pode ser bom para o seu negócio. Mas os resultados devem ser o principal motivo para essa escolha. A pesquisa revela que os esforços das equipes de marketing estão na conversão de leads em clientes, 75%, aumentar o tráfego para o site, 47%, aumentar a receita derivada de clientes da casa, 45% e comprovar o ROI das atividades de marketing, 31%.

O estudo foi realizado com a participação voluntária de profissionais de diretoria executiva, CEOs e CMOs.

Vale uma reflexão sobre o assunto.

Acompanhe a matéria com outros resultados da pesquisa no Meio e Mensagem

Por Geiza Mesquita, Consultora de Comunicação e Mídias Sociais